KAIZEN™ na Vida Pessoal

KAIZEN™ na Vida Pessoal

Normalmente aplicada dentro das organizações, a filosofia KAIZEN™ pode também ser adotada na vida pessoal de cada um. Trazendo resultados excecionais às empresas que a incorporam na sua cultura e estratégia, adotar uma postura de melhoria contínua em relação à vida é também benéfico e pode ser a chave para o sucesso na fase de incerteza atual. Como utilizar esta metodologia para potenciar o desenvolvimento pessoal?

Definição de Objetivos

O primeiro passo para a implementação da melhoria contínua na vida pessoal é a definição de objetivos. Historicamente, a natureza humana leva à elaboração de metas demasiado ambiciosas, quer em quantidade como qualidade. Ou seja, são definidos demasiados objetivos para cumprir e são estipulados resultados irrealistas. Exemplo: se um dos propósitos passa por fazer exercício e se atualmente não se faz exercício algum, pode ser demasiado ambicioso passar a querer fazer um treino diário de 60 minutos autonomamente.

Desta forma, é crucial definir poucos objetivos. Ao contrário de tentar mudar tudo num curto espaço de tempo, o segredo é focar no que é verdadeiramente importante. A mente inconsciente é a chamada goal getter e por isso é fundamental que seja possível contar as metas definidas pelos dedos das mãos e sabê-las de cor. Passando para o conteúdo, e tal como para as empresas, os objetivos pessoais devem ser formulados em formato SMART, isto é:

Simples, específico

Mensurável, com significado para o próprio

Atingível, as if now (escrito no presente)

Realista, responsável (alinhado com os valores da pessoa)

Temporal, towards to (na positiva e sem negações)

Monitorização e Análise

Existe ainda a dificuldade de criar novas rotinas. Os hábitos são desenvolvidos pela ação e não pelo planeamento e aprendizagem. Assim, para além desta necessidade de ação e repetição, a criação de novos hábitos é normalmente difícil porque tira as pessoas da sua zona de conforto e traz, numa primeira fase, mais obstáculos que benefícios. Isto porque, no início, levantar mais cedo para ir fazer exercício, optar por ler um livro em vez de ver uma série ou limitar o tempo nas redes sociais, vai ser doloroso e vai obrigar a desenvolver a resiliência. A falta de monitorização dos resultados intermédios acentua esta dificuldade, podendo resultar em frustração e consequentemente no abandono dos objetivos estipulados.

Desta forma, é essencial medir o progresso ao longo do tempo. Para tal, é preciso começar por definir quais os critérios de sucesso das resoluções feitas e como transformar esses critérios em indicadores objetivos e quantificáveis. De seguida, é necessário reservar um momento, por exemplo semanal, para medir o indicador, perceber se está dentro do objetivo e, sempre que não esteja dentro do que é expectável, pensar em ações a realizar para passar a estar.

Definir objetivos SMART e garantir um boa monitorização e análise do progresso é o princípio para utilizar o KAIZEN™ para potenciarl o desenvolvimento pessoal. Este é um processo contínuo que se mantém ano após ano e por isso é essencial que seja implementado com espírito crítico, mas sem auto-crítica.

Recent Posts

 

Está interessado nos serviços de consultoria do Kaizen Institute?

Ajudamos as equipas dos nossos clientes a melhorar os resultados, colocando em prática paradigmas inovadores.

Está interessado nos serviços de formação do Kaizen Institute?

O Kaizen Institute apresenta um programa diferenciador de treino que garante a aprendizagem da teoria através da prática, bem como visitas benchmark.

Newsletter

Receba as últimas notícias sobre o Kaizen Institute. Subscreva agora.

* campos obrigatórios

arrow up