MUDAR PARA VERDE, MUDAR PARA MELHOR!

BY KAIZEN INSTITUTE - 2017-05-11

Na convenção da Organização das Nações Unidas sobre as Alterações Climáticas, no ano de 1997, foi introduzido o protocolo de Kyoto, em vigor desde 2005, e ratificado por 191 países. Um dos pontos mais relevantes deste Protocolo consistia na redução das emissões de gases de efeito estufa por parte de cerca de 41 países.

Com objetivo idêntico, a União Europeia introduziu o comércio de direitos de emissão na União Europeia, que originou um mercado robusto relativamente ao comércio de carbono, tendo por base o sistema ‘Cap and Trade’, assinado por 25 países europeus.

Sabemos que o excesso de gases de efeito estufa, principais causadores do aquecimento global, é um problema global que exige uma solução global. É assim imprescindível sensibilizar as empresas para o impacto que as ações que levam a cabo têm no planeta.

 

O que é o TEM?

É o Total Environmental Management – ou seja, é uma metodologia sistemática que visa compreender, avaliar e minimizar ou até mesmo eliminar o impacto negativo no meio ambiente. Nesta fase já não é uma opção para as empresas escolherem reduzir ou não as emissões de efeito estufa e diminuírem a pegada de carbono. Não obstante, em muitas empresas, ainda não há um método que permita quantificar integralmente os efeitos adversos no meio ambiente.

 

Como utilizar o TEM? 

A cadeia de valor consiste nos vários fluxos de atividade que uma organização põe em prática para fornecer um produto ou um serviço aos seus clientes. O principal foco do mapeamento de um fluxo de valor tradicional é reduzir ou eliminar os sete desperdícios associados às operações. Já o mapeamento do fluxo de valor verde tem como objetivo identificar, numa primeira fase, os cinco problemas verdes:

·         Energias não renováveis

·         Poluição do ar e emissões

·         Poluição da água e uso

·         Materiais não biodegradáveis

·         Danos ecológicos.

 

É este mapeamento que permitirá, numa fase seguinte, o foco da empresa na redução, ou até mesmo, na eliminação dos cinco problemas verdes.

Conseguir aumentar a consciência das empresas para que pratiquem um negócio verde apresenta um impacto altamente positivo para todos os envolvidos.

Se soubermos implementar as metodologias exatas para cada problema e cumprirmos os passos que previamente definimos, conseguiremos obter os resultados desejados. O ideal é pôr em prática este Kaizen verde e comprovar os resultados!

O Kaizen Institute é uma empresa multinacional que dá suporte às organizações no desenho e implementação de processos que permitem a melhoria contínua de forma sustentada.

 


 
 
Gemba Kaizen